Como escolher um software para engenharia, arquitetura e construção civil?

Se você é do ramo da engenharia e da arquitetura, certamente já enfrentou problemas relacionados à escolha de software. São diversas as ferramentas disponíveis no mercado com infinitas funcionalidades. Com isso, fica difícil escolher um software para engenharia que tenha todas as ferramentas mas que não seja excessivo com inúmeras aplicações que nunca serão utilizadas.

Além disso, nessas áreas você nunca precisa somente de um software para engenharia para tocar os projetos. São necessários vários deles para conseguir criar plantas, modelos 3D, o design de interiores etc.

Sabendo que será melhor integrar ferramentas do que escolher um software para engenharia que tente resolver tudo, é preciso pensar, a fim de escolher uma carteira de softwares que atenda bem e com a maior eficiência possível. Confira as dicas do post que preparamos!

Quais as características de um software para engenharia, arquitetura e construção civil?

Atualmente, há uma quantidade enorme de softwares para engenharia, arquitetura e construção civil. A Tecnologia da Informação se desenvolveu muito nas últimas décadas e passou a oferecer soluções para os mais diversos problemas da vida cotidiana e do mundo empresarial.

Na área da engenharia civil, então, muitas ferramentas surgiram para tornar tarefas chatas e burocráticas mais simples. Além disso, as ferramentas de automação de cálculos têm tornado tudo mais preciso e seguro. Sendo assim, os engenheiros e arquitetos não precisam mais fazer todo o “trabalho bruto” de cálculos e desenhos: basta um software para engenharia e tudo se resolve com muito mais praticidade.

Por isso, fizemos um resumo com as 3 principais características que todo o software de arquitetura e de engenharia deve ter:

Praticidade e usabilidade

Por mais que o domínio da tecnologia seja uma demanda cada vez mais frequente em todas as profissões, não podemos exigir que engenheiros e arquitetos sejam experts em softwares. Para isso, é importante que a interface (o local onde interagimos com o programa) seja bem intuitiva e mostre as ferramentas mais utilizadas de uma forma simples.

Imagine só: você usaria um programa em que tivesse que passar alguns minutos do seu dia tentando localizar onde se insere as texturas, como renderizar seu modelo, etc? Claro que não! Seu tempo é precioso e você precisa de um software para engenharia que deixe tudo mais prático e intuitivo.

software para engenharia

Possibilidade de integração com outros softwares

Certamente, nunca vai haver um software que satisfaça todas as suas demandas nos projetos. Os produtos são especializados em um segmento e produzir um software para engenharia que dê conta de tudo seria muito caro, além de demandar um processamento computacional muito grande — o que o tornaria inviável para o uso no dia a dia da construção civil.

Por isso, as melhores ferramentas são aquelas que se integram com os principais softwares para engenharia e arquitetura. Por exemplo, o SketchUp certamente é o ideal no setor de construção de modelos 3D para arquitetura e para o design de interiores.

Porém ele não é tão bom para renderizar modelos 3D e nem tem todas as peças para fabricação de móveis disponíveis. É para isso que outras duas ferramentas chegaram para completá-lo.

Com os chamados plug-ins, o V-Ray consegue criar modelos renderizados maravilhosos para mostrar para os clientes, ao passo que o Gabster tem todos os modelos de madeira e peças para móveis planejados para a integração com o SketchUp.

Ferramentas completas

Parece contraditório com o que dissemos no item anterior, não é mesmo? Mas, aqui, não queremos dizer que um software tem de ter todas as ferramentas possíveis, mas que, dentro daquilo que ele se propõe, ele deve ser completo. Vamos dar o exemplo do V-Ray.

Há diversos programas de renderização no mercado, mas muitos deles não atendem a uma demanda importante dos arquitetos e engenheiros: não oferecem muitas opções com resoluções mais baixas para as renderizações.

Com isso, os profissionais são obrigados a produzir arquivos pesados e demorados na etapa dos esboços e rascunhos. Outros, então, não se integram bem com o SketchUp, a ferramenta mais utilizada atualmente.

Já o V-Ray é completo nesse quesito: ele oferece várias opções de renderização em baixa resolução, além de funcionar perfeitamente com o SketchUp. Por isso, na hora de escolher um software de engenharia é essencial saber se ele é completo no setor que ele se propõe. Senão, você vai precisar de mais uma aplicação para suprir a lacuna que ele deixou.

Nesses casos, é essencial procurar uma consultoria e um vendedor especializado no ramo. Ao conversar com um consultor, ele vai te falar qual é a melhor solução, pensando naquilo que você precisa. Nele você vai poder confiar, uma vez que ele não é um mero vendedor tentando te empurrar um produto.

software para engenharia

Quais as vantagens de contar com um software para engenharia?

Redução do investimento em tecnologia

Quando você contrata um bom provedor de serviços de TI, você perceberá que os gastos com tecnologia em vez de aumentarem, vão se reduzir. Isso porque ele te dará todo o suporte necessário, ajudará no treinamento e ainda auxiliará na personalização de uma plataforma completa e enxuta para você.

Flexibilidade e escalabilidade

Você concorda que cada projeto tem suas especificidades? Algumas vezes, um determinado projeto pode demandar um software para engenharia que você ainda não tem. Por isso, é importante ter um provedor de serviços completo, que poderá responder prontamente àquela nova necessidade. Da mesma forma, ele poderá tirar esse serviço — ou qualquer outro — que não for mais útil no momento.

Além da flexibilidade, há a importante questão da escalabilidade, que é a capacidade de aumentar ou reduzir os serviços mediante o aumento ou a redução da demanda externa. Então, se em uma alta temporada você tiver de tocar vários projetos, esses softwares darão conta do crescimento.

Se, por outro lado, a economia desaquecer e você precisar diminuir suas operações, o softwares para engenharia também poderá ser reduzido proporcionalmente. Desse modo, você não terá gastos elevados e poderá continuar contando com a tecnologia.

software para engenharia

Acessibilidade de qualquer lugar

A acessibilidade é outro fator crucial: uma empresa provavelmente não toca somente uma obra em um só lugar. São vários canteiros dispersos nas mais diversas localidades. Por isso, os sistemas e as soluções tecnológicas têm de ser acessíveis em qualquer local.

Assim, por exemplo, a medição de um local pode ser lançada em tempo real pela nuvem ao escritório. Lá mesmo, o engenheiro e o arquiteto já podem iniciar o projeto com os dados certos.

Quais os principais softwares para cada área?

Arquitetura: SketchUp

O SketchUp — anteriormente chamado de Google SketchUp — é um programa de computador para modelagem 3D com uma ampla gama de possibilidade de desenho em 3D para as mais diversas áreas, como arquitetura, design de interiores, arquitetura paisagista, engenharia civil e mecânica, design de filmes e videogames.

Ele está disponível tanto em uma versão freeware — conhecida como SketchUp Make ou como SketchUp free a partir de 2017 — e uma versão paga com funcionalidades adicionais, SketchUp Pro. O SketchUp é propriedade da Trimble Inc., uma empresa de ferramentas de mapeamento e de navegação.

O programa conta com uma ampla base de usuários e, por isso, também existe uma enorme biblioteca on-line de montagens de modelos gratuitos (por exemplo, janelas, portas, automóveis) e um armazém 3D, para o qual os usuários podem contribuir com modelos.

O programa inclui ainda a funcionalidade de layout de desenho, permite a renderização da superfície dos objetos em “estilos” variáveis, oferece suporte a programas de “plug-in” de terceiros hospedados em um site chamado Extension Warehouse, a fim de enriquecer seus recursos (atualmente, por exemplo, já foi criado um plug-in para renderização fotorrealista dos modelos) e, para completar, permite a colocação de modelos no Google Earth.

software para engenharia

Design de interior: V-Ray

O V-Ray é um software de renderização de imagens geradas por computador, desenvolvido pela empresa búlgara Chaos Group, que foi criado em Sofia, em 1997. O V-Ray mais comercializado não é uma plataforma em si; na verdade é um plug-in comercial para softwares de computação 3D de terceiros.

Ele é principalmente utilizado para visualizações e computação gráfica em indústrias, como mídia, entretenimento, produção de filmes e videogames, design industrial, design de produtos e arquitetura.

O V-Ray é um mecanismo de renderização que usa algoritmos de iluminação global, incluindo rastreamento de caminho, mapeamento de fótons, mapas de irradiação e iluminação global diretamente calculada.

As aplicações 3D da área de trabalho suportadas pelo V-Ray são:

  • Autodesk 3ds Max

  • Autodesk Revit

  • Cinema 4D

  • Maya

  • Modo

  • Nuke

  • Rhinoceros

  • SketchUp

  • Softimage

  • Blender

Há ainda as versões acadêmicas do V-Ray e a plataforma individual, que não está integrada a outros programas. Porém, como todos os designeres de interiores já estão em outra plataforma, a versão plug-in foi a que mais se popularizou.

software para engenharia

Quando comparado aos concorrentes, o V-Ray é muito mais rápido do que o resto. Isso significa tempos de renderização mais rápidos, animações, rascunhos etc. Você, ao rascunhar seus projetos, sabe da importância do tempo. Afinal, com grande parte dos programas atuais, você espera mais tempo pelo processamento da renderização do que com o processo criativo do modelo em si.

Brincadeiras à parte, porém, é importante ter uma ferramenta de visualização que permita ver rapidamente se algo vai funcionar antes de se comprometer plenamente com renderizações de alta qualidade (que provavelmente serão descartadas nessa fase de esboço do projeto). O V-Ray é perfeito para evitar isso!

Em configurações mais baixas, o V-Ray vai bombardear uma série de imagens de baixa qualidade que lhe dará a sensação de material, de cor e de luz para que decisões rápidas possam ser tomadas em relação à composição e ao enquadramento. Claro, todo o software de renderização permite que você crie imagens de rascunho, mas nenhum deles opera tão rapidamente quanto o V-Ray.

Marcenaria e mobiliário: Gabster

Este é outro plug-in que pode ser integrado ao SketchUp com a finalidade de criar projetos matadores. Ele é capaz de criar móveis planejados e projetos de marcenaria em 3D que darão aos seus clientes uma visualização muito real ao projeto a ser colocado em prática.

software para engenharia

O Gabster conta com uma imensa biblioteca de materiais, formas, peças e texturas utilizadas no mercado. Por exemplo, nele você consegue, até mesmo, planejar os locais de inserção de dobradiças, de pinos de encaixe, de parafusos e de abridores. É realmente um programa completo! Conheça as soluções que o desenvolvedor oferece:

Solução cloud

Portal administrativo web para o fabricante informar custos e markups.

Sob medida

Componentes e blocos editáveis, escaláveis nos 3 eixos, obedecendo a engenharia da fábrica.

Orçamentos rápidos

Orçamento completo do projeto dentro do SketchUp.

Conectado a arquitetos

Potencial de expansão para utilização da biblioteca pela rede de arquitetos.

Escalável

A engenharia aplicada nos componentes editáveis evita problemas de projetos.

Redução de assistência

Aplicando a engenharia do mobiliário com precisão, na fase de projeto, eliminam-se surpresas durante a montagem dos móveis.

Setup automatizado

Facilidade para inserir o projeto na fábrica. Com poucos cliques as máquinas recebem os setups.

Montagens corretas

A conferência por código de barras organiza a expedição e nenhuma peça fica para trás na entrega.

Maior produtividade

Extraia todo o potencial da estrutura atual, faça mais com os recursos que já tem.

 

Projeto executivo: ZWCAD

O ZWCAD é um software para a criação de desenhos técnicos bidimensionais, que tem também ferramentas que possibilitam a modelação 3D por meio de sólidos e de fotorrealismo. Ele é muito versátil e pode ser utilizados por profissionais de várias áreas, como arquitetos, engenheiros civis, projetistas de redes elétricas e hidráulicas, designers, desenhistas de moldes e topógrafos.

Para quem já está familiarizado com o AutoCAD, não haverá muita dificuldade: os comandos são praticamente idênticos e há uma compatibilidade total com os arquivos DWG que você já tiver produzido. Entre suas ferramentas estão:

Design center

Faz o gerenciamento e acessa os conteúdos do desenho, como blocos, xrefs, camadas etc.

Block editor

Abre uma área independente para criar e editar definições de bloco. Você pode salvar um desenho como um bloco, definir atributos e editar um bloco de escala não uniforme no Editor de Blocos.

Calculadora rápida

Execute o cálculo dentro do CAD, assim como você faria com uma calculadora de área de trabalho. 

software para engenharia

Projeto hidráulico 3D: 3skeng

O 3skeng é uma extensão para projetos de engenharia 3D no SketchUp. Como todos os exemplos anteriores, é uma ferramenta intuitiva, fácil de usar e completa. Com ela, seu projeto hidráulico fica mais simples, pois ela faz tudo:

  • a projeção e a documentação de MEP;

  • o planejamento das estruturas de aço e tubagem;

  • o projeto 3D das estruturas de aço e tubagens, etc.

Assim, você será capaz de apresentar para o seu cliente um projeto hidráulico completo e confiável.

Análise de eficiência energética: Sefaira

O Sefaira é um programa completo para a análise da eficiência energética e um dos poucos que conseguem analisar o desempenho de um modelo 3D. Assim, os profissionais da Arquitetura conseguirão um feedback sobre a iluminação natural, a eficiência energética e o conforto dentro de seus projetos. Assim, eles podem criar edifícios cada vez melhores e ambientalmente sustentáveis.

Como escolher o software para engenharia mais adequado?

Por mais que muitos fornecedores de software insistam que há uma solução única para todo e qualquer problema, para todo e qualquer profissional, acreditamos que a escolha deve ser mais realista, baseada sempre nas necessidades de cada profissional.

Afinal, vai haver sempre quem precisa de apenas algumas funcionalidades enquanto outros precisam de uma série de ferramentas para todas as etapas da arquitetura e da construção civil, desde as fundações até a decoração.

Então, propomos 3 passos para que você escolha o software para engenharia ideal:

software para engenharia

1. Elenque as suas necessidades

O primeiro passo é você fazer uma lista de todos os processos que você considera ineficientes no seu dia a dia. Você gostaria de uma ferramenta para mover seus projetos para o digital? Está precisando de um sistema de gestão de obras? Ou deseja melhorar seus projetos de interiores?

Faça uma listinha mesmo, tipo aquelas de supermercado. Coloque tudo o que você precisa para que seu negócio corra suavemente e tenha a melhor eficiência possível, aumentando os lucros e diminuindo o seu trabalho.

2. Procure um consultor especializado

Procure um fornecedor que tenha diversos produtos para te oferecer. Quando você procura um consultor especializado em um software para engenharia, ele vai tentar te vender aquilo de qualquer modo como se fosse a solução para todos os problemas.

No entanto, quando você procura um fornecedor com diversos produtos e parceiros, ele vai saber te escutar e pensar qual é o leque de ferramentas que atende você com o menor custo e com maior eficiência. Assim, você não vai precisar comprar muitas ferramentas e poderá contar com um leque mais enxuto.

software para engenharia

3. Saiba filtrar quando for necessário

Mesmo depois de fechar um pacote de softwares, saiba que você pode personalizá-lo. Com o tempo, você vai ver que há ferramentas que você nunca utilizará ao passo que sentirá falta de outras. Nisso, vai construindo um sistema feito para você em vez de ficar com uma solução pré-fabricada.

A personalização é a grande tendência do TI atualmente e, certamente, se você procurar uma empresa séria ela vai te fornecer esse serviço e estará lá sempre lhe dando suporte.

Com essas dicas que demos aqui, temos a certeza de que a tarefa de escolher um software para engenharia não será tão complicada. Para isso, basta pensar bastante no que você precisa e escolher um fornecedor de confiança, que tenha uma boa carteira de produtos e ainda conte com inúmeros parceiros.

E aí, gostou das dicas sobre ter um software para engenharia, arquitetura e construção civil de qualidade para seus projetos? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter para receber nossas atualizações em seu e-mail!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share This