Entenda como aprovar projetos mais rapidamente com o seu cliente.

Entenda como aprovar projetos mais rapidamente com o seu cliente.
Rate this post

O desafio do arquiteto não termina quando ele consegue, finalmente, captar a atenção de um possível cliente.

Profissionais e escritórios de arquitetura trabalham diretamente com o sonho das pessoas. Pode ser o objetivo de morar em uma casa própria e projetada especialmente de acordo com seus sonhos e personalidade, o desejo de transformar um terreno vazio em um empreendimento comercial ou a vontade de reformar um apartamento para deixá-lo mais confortável.

Depois que um possível cliente decide solicitar uma proposta, chega a hora de consolidar as ideias e efetivamente conquistar esse novo negócio através da apresentação de projeto arquitetônico.

Nesse momento, no entanto, o crucial é contar com uma boa e impactante apresentação de projeto de arquitetura, que precisa contemplar muito mais que apenas desenhos e especificações técnicas.

Não importa qual seja o desejo existente por trás de um projeto arquitetônico, saber apresentá-lo faz toda a diferença para inspirar confiança no cliente e a certeza de que o sonho dele será realizado.

Para te ajudar, selecionamos uma série de dicas práticas que contribuirão para que seu cliente aprove seu projeto mais rapidamente!

Como fazer uma apresentação de projeto arquitetônico que encante o cliente?

Os primeiros minutos da apresentação são cruciais para captar a atenção de quem está assistindo. Comece com o conceito do projeto e a relação desse conceito com as necessidades que ele vai atender.

Nesse início, é importante mostrar todas as funcionalidades do projeto, sempre ressaltando o porquê ele existe.

Se a apresentação for direcionada a um cliente corporativo, o ideal é ser mais objetivo, indo direto ao ponto e sem rodeios. Caso contrário, é possível apostar em elementos emocionais para envolver o cliente.

Para ilustrar adequadamente uma apresentação de projeto arquitetônico, você precisará de um renderizador como o V-Ray. Essa estratégia diversifica o conteúdo e contribui para o pleno entendimento da proposta por parte do cliente.

Mesclar plantas com projeções renderizadas da obra, vídeos, cortes e fachadas são ótimas opções. Aproveite para mostrar o seu projeto 3D e manipular ele em tempo real para se aprofundar tecnicamente no projeto e demonstrar conhecimentos sólidos aos clientes.

1 – Tempo de apresentação do projeto: menos é mais

Certamente você não vai querer simplesmente enviar um arquivo por e-mail para o seu cliente, não é mesmo?

Nesse caso você precisa apresentar pessoalmente seu projeto, com a ajuda de equipamentos audiovisuais.

E que tal começar mostrando um vídeo renderizado do conceito do projeto?

Você economizará horas do seu tempo e especialmente o do seu cliente, para que ele compreenda sua proposta.

 

2 – Invista cada vez mais na sua produção para conquistar o cliente

A tecnologia é uma grande aliada e agiliza as etapas de desenho e teste de possíveis soluções.

Por isso, é importante se atentar para alguns passos que são garantia de sucesso para suas maquetes eletrônicas e, certamente, para a apresentação de suas ideias.

Veja:

3 – Atente-se aos detalhes

Trace as dimensões corretas dentro do arquivo e procure utilizar blocos 3D bem modelados.

Além disso, verifique se os objetos estão sobre as superfícies corretamente, nas distâncias, espessuras e escala adequados.

4 – Atribua os materiais corretamente

É especialmente importante na fase de renderização. Certifique-se que as propriedades dos materiais como brilho, cor ou transparência transmitam o maior nível de realidade possível, pois isso faz toda a diferença na forma como as imagens renderizadas serão compreendidas pelo seu cliente.

Neste sentido, o V-Ray destaca-se em possuir a maior biblioteca disponível de materiais hiper-realistas.

5 – Configure a iluminação e a renderização

Uma boa iluminação, faz toda a diferença na valorização das soluções de movelaria, decoração ou fachada.

O V-Ray possui um sistema fácil de inserção de iluminação e cenas pré-configuradas para renderizações internas, externas e de objetos.

6 – Não terceirize suas renderizações

Renderizar imagens do projeto, pode ser prático, mas certamente não é o modo mais econômico e eficiente para o escritório.

Ao ter domínio da renderização, como profissional você poderá tomar decisões durante a fase de projetos e mostrar ao seu cliente as propostas do mesmo modo que você imaginou em sua criação.

Faça agora um teste do V-Ray e faça projetos que encantem seu cliente!


Leia Também:

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.